terça-feira, 31 de julho de 2012

Santo Inácio de Loyola



Santo Inácio de Loyola, de nome Íñigo López na língua vernácula, nasceu em 31 de Maio de 1491 no País Basco (cidade de Azpeitia), e morreu em Roma, em 1556. Foi canonizado em 12 de Março de 1622 pelo Papa Gregório XV.

Santo Inácio peregrinou incansavelmente falando de Jesus a todos, levando a esperança aos cansados, vida nova a todos. Por isso, Inácio, fundador da Companhia de Jesus, afirma nos E.E (Exercícios Espirituais), “o amor deve-se pôr mais nas obras do que nas palavras” (EE, 230). Inácio era um apaixonado por Jesus, porque sabia que o Mestre veio para servir, não para ser servido.

Ele cativou-o verdadeiramente! O peregrino, como gostava de ser chamado, descobriu que a vida não tem sentido se não for colocada ao serviço dos outros. Por isso temos a expressão “Em tudo amar e servir”, que exprime bem esse sentimento e atitude de vida. Ainda mais, não podemos esquecer que a Fé e a Justiça são dois aspectos fundamentais na luta e trabalho dos Jesuítas do mundo inteiro.

O lema que Santo Inácio escolheu para a Companhia de Jesus (jesuítas) foi: Ad Maiorem Dei Gloriam - (Tudo) Para a Maior Gloria de Deus. Assim sendo e, para concluir, creio ser oportuno invocarmos a intercessão de Santo Inácio de Loyola, rogando para que ele nos obtenha a graça de sermos coerentes no serviço e na santidade, ad Maiorem Dei Gloriam!             
P. Hermínio Vitorino, sj.



NA COMUNIDADE

Santo Inácio de Loyola, cuja memória hoje celebramos, propõe-nos com muita sabedoria, fazer escolhas centradas no "MAGIS", no MAIS, isto é: naquilo que mais nos conduz ao Reino de Deus.
Fundador da Companhia de Jesus, Ordem a que pertencem os Padres Jesuítas responsáveis por esta comunidade paroquial, a Eucaristia das 11:00h, presidida pelo nosso Sr. Bispo D. Manuel Felício, foi ocasião de graças, pela busca do Reino que a espiritualidade inaciana expressa na vida de cada um e pela dedicação dos padres jesuítas à nossa Paróquia e à nossa Diocese – Palavras do Senhor Bispo D. Manuel.



Um comentário:

Miguel Nuno Peixoto de Carvalho Dias e Maria do Céu Jordão Morais Carvalho Dias disse...

Achamos muito interessantes os blogues da vossa paróquia.
Temos um blogue sobre a História da Covilhã, baseado no espólio do covilhanense Luiz Fernando Carvalho Dias, que foi aluno dos vossos colégios. Começámos a publicar um novo assunto : os Jesuítas covilhanenses.
Os nossos cumprimentos
http://covilhasubsidiosparasuahistoria.blogspot.pt/2013/12/covilha-os-jesuitas-i.html